20151119102738

O curso superior de Ciências Biológicas do Campus Araguatins, do Instituto Federal do Tocantins (IFTO), recebeu o reconhecimento do Ministério da Educação (MEC), conforme a portaria nº 866 de 9 de novembro de 2015, depois de ter sido avaliado in loco, no mês de agosto de 2014.

De acordo com a coordenadora do curso de Ciências Biológicas, Kátia Paulino, a gestão do campus tem trabalhado com intuito de promover melhorias para curso. Nesse sentido, foram implantadas políticas institucionais e intensificada as articulações entre gestão institucional e gestão do curso. A coordenadora destaca que bibliografia básica disponibilizada pelo curso e a existência de estruturas desenvolvidas para o apoio ao discente, dentro do Programa de Assistência Estudantil, foram alguns dos pontos positivos apontados pela comissão de avaliação do MEC.

Para o gerente de ensino superior do Campus Araguatins, Raimundo Laerton, a região do Bico do Papagaio ganha com o reconhecimento da licenciatura de Ciências Biológicas, uma vez que um curso reconhecido mostra à comunidade o empenho da equipe gestora em ofertar um ensino gratuito, de qualidade e devidamente amparado pelo MEC, que avalia e verifica seu funcionamento conforme preconiza a Lei de Diretrizes e Bases da Educação.

“O reconhecimento do curso representa a segurança para a comunidade acadêmica e para a região, onde o mesmo está inserido, que a instituição passou por um amplo processo de avaliação e apresenta padrões de qualidade, que asseguram ao futuro egresso maior inserção no mercado de trabalho”, declarou Raimundo Laerton.

O curso de Ciências Biológicas foi criado em 2009 com o objetivo de formar profissionais com competência para atuar na área da educação e nos vários segmentos da biologia, para elaboração de estudos, projetos ou pesquisas científicas aplicada.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.