7

Inspetores da Agência de Defesa Agropecuária (Adapec) de Augustinópolis apreenderam na terça-feira, 3, em um comércio atacadista em Augustinópolis, norte do Tocantins, 677 kg de produtos cárneos e 45 litros de produtos lácteos, que estavam vencidos ou não apresentavam selo de procedência.

Os inspetores encontraram nas câmaras frias 260 kg de apresuntado fatiado,  embalado e rotulado sem registro de inspeção e 240 kg de apresuntado em pedaços sem identificação, data de fabricação, identificação de lote e prazo de validade. Alguns desses produtos encontravam-se mofados e mal acondicionados.

3

Também foram apreendidos 30 kg de linguiça calabresa,  15 kg de linguiça de frango, 132 kg de mortadela e cerca de 45 litros de Iogurte de diversos sabores. “Todos os produtos estavam fora do prazo de validade, sendo que alguns já estavam mofados e em processo adiantado de decomposição, com forte cheiro dentro da câmara fria”, informou Fernando Loiola Nunes, inspetor de Defesa Agropecuária, em seu relatório técnico.

A empresa foi notificada e autuada. Os produtos apreendidos foram inutilizados no lixão da cidade de Augustinópolis. “Esta apreensão foi graças à denúncia anônima ao nosso Disque Defesa. Por isso, a importância da população estar vigilante quanto aos produtos que consome”, reforça Humberto Camelo, presidente da Adapec. (Wilson Coelho)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.