via_3

Foi liberado na tarde desta terça-feira (17), o trecho da BR-155, entre Eldorado dos Carajás e Marabá, no sudeste paraense, que ficou interditado durante toda a manhã por integrantes do Movimento Sem Terra (MST). A manifestação durou mais de 8 horas, formando um longo congestionamento na via.

A interdição teve início às 5 horas da manhã desta terça-feira. Os trabalhadores rurais usaram pneus e madeira para bloquear a via, reivindicando que o Instituto Nacional da Colonização e Reforma Agrária (Incra) retome a entrega de cestas básicas e acelere o processo de desapropriação da fazenda Cedro, em Marabá, ocupada pelo MST há cerca de seis anos

O ouvidor agrário do Instituto Nacional da Colonização e Reforma Agrária (Incra) foi até o local da manifestação para definir que todas as famílias acampadas na região sejam cadastradas para receber o auxilio de cestas básicas até a próxima semana.

Na próxima terça-feira (24), uma reunião deve tratar da situação das propriedades reivindicadas pelo MST na região, entre elas, a fazenda Cedro.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.