image

Cerca de dois mil metros de redes foram apreendidas durante uma operação de fiscalização da Polícia Militar Ambiental em São Sebastião do TOcantins. A ação aconteceu no último sábado em decorrência da Piracema, período de reprodução dos peixes em que é proibida a pesca.

Os policiais militares apreenderam as redes no Rio Tocantins. Os proprietários não foram encontrados no local.

Quem for abordado na prática de pesca no período da Piracema, em desacordo com que a legislação permite, poderá ser preso em flagrante delito, com pena que vai até três anos de detenção.

Além disso, ainda estará sujeito ao pagamento de multa que poderá variar de R$ 700,00 a R$100.000,00, com acréscimo de R$20,00 por quilo de pescado, tendo também seus apetrechos e materiais de pesca apreendidos

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.