Depois de quatro dias de protestos, pescadores liberaram a BR-320 no último sábado (11), a rodovia Transamazônica liga o trecho entre Marabá e Itupiranga, no sudeste do estado.

A pista foi bloqueada na última quarta-feira (8), para cobrar o pagamento do seguro defeso. O benefício foi suspenso por 60 dias pela justiça federal para uma auditoria nas contas. Uma investigação identificou indícios de fraude no repasse de verbas.

Em reunião com os manifestantes, o prefeito de Itupiranga, Vereadores e um Deputado se comprometeram a levar as reivindicações das colônias aos órgãos competentes e os pescadores aceitaram liberar a rodovia e esperar uma resposta até o dia 19 de novembro.

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.