ara1

Ao invés de festa, o prefeito de Itaguatins, Régis Melo (PSD), preferiu investir no social e reforçar o alimento na mesa de centenas de famílias itaguatinenses neste final de ano. O gestor optou por utilizar o dinheiro público que poderia ser investido na estrutura do Réveillon e adquirir mais de mil cestas de alimentos, reforçando assim a malha de Segurança Alimentar.

A decisão nasceu do fato do Governo do Estado se negar a empenhar uma emenda parlamentar do deputado estadual, Eduardo Siqueira Campos (PTB), no valor de R$ 100 mil, para a realização do evento. Com a negativa, Régis preferiu usar recursos do Tesouro Municipal com os alimentos, no lugar da festa.

ara2

“Itaguatins é uma cidade festiva e alegre, isso é bem próprio do nosso povo. Neste final de ano estávamos aguardando a liberação da emenda. Com recursos estaduais realizaríamos o Réveillon. Como não saiu, entendemos que a Prefeitura poderia se esforçar e utilizar recursos próprios em alimentos para famílias carentes, do que utilizar em uma festa. Sei que é importante o evento da virada de ano, mas nesse momento de crise em que o país e principalmente os municípios atravessam, tivemos de fazer uma opção. Ou a festa, ou os alimentos. Preferimos doar os alimentos”, esclareceu o prefeito.

Régis disse ainda que o recurso municipal foi melhor empregado assim, voltando diretamente para a população. “Se a Prefeitura pegar ai, R$ 50 ou R$ 60 mil para fazer a festa da virada, esse dinheiro não ficaria aqui. Qualquer banda levaria nosso dinheiro embora. Com os alimentos, podemos reforçar a mesa de muitos itaguatinenses e focar o recurso em nosso atendimento social”, contou.

ara3

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.