IMG-20151202-WA0408

Carlos Alberto Pimentel de Castro e Cleuvan dos Santos Sousa, indiciados pelo assassinato do vice-prefeito de São Sebastião do Tocantins, Antônio Mauro do Nascimento, que aconteceu em novembro de 2012, estão no banco dos réus nesta quarta-feira, 2. O Júri Popular que iniciou depois das 10h, teve seus trabalhos suspenso para o almoço e continuará nesta tarde.

Carlos Alberto e Cleuvan chegaram ao Fórum de Augustinópolis, onde acontece o julgamento, escoltados pela Polícia Civil, trazidos dentro de um furgão do Sistema Penitenciário. Durante a manhã, foram ouvidas as testemunhas de acusação.

IMG-20151202-WA0407

O advogado de defesa dos acusados ainda tentou excluir do corpo de jurados, moradores de São Sebastião, alegando possível parcialidade pela afinidade que poderiam ter com Antônio Mauro. O Juiz Gérson Fernandes de Azevedo negou o pedido.

A acusação está por conta do promotor de Justiça, Breno de Oliveira Simonassi.

Apesar do crime ter suspeitas de motivação política, o inquérito cita apenas os executores. Mas segundo a Polícia Civil as investigações continuam.

IMG-20151202-WA0418

Antônio Mauro foi executado sem chance de defesa na frente de sua esposa e filho de apenas 8 anos, na época. O fato aconteceu em praça pública.

A Sala de Júri permaneceu lotada durante toda a manhã. Repleta de amigos e familiares que cobram por justiça.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.