image

Um indígena de 17 anos foi atingido com um tiro na cabeça e morreu em Tocantinópolis, norte do Tocantins. O crime aconteceu neste sábado (26) na Aldeia Indígena Apinajé Olho D’Água, que fica na TO-126. Alex de Oliveira Apinajé chegou a ser socorrido, mas não resistiu. As informações são da Polícia Militar.

A PM informou que o cunhado da vítima, 53 anos, que não é indígena mas mora na aldeia, é o principal suspeito do crime. Na madrugada de sábado, ele teria atirado contra Alex por causa do retrovisor de uma motocicleta que havia sido danificado.

Após o crime, a vítima foi levada para o Hospital Municipal de Tocantinópolis e iria ser encaminhada para Araguaína, mas morreu dentro da ambulância a caminho do município. O suspeito fugiu e ainda não foi encontrado pela polícia. (G1)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.