Robertos Resplandes

Natural da cidade de Tocantinópolis, Roberto Resplandes, que concorreu na categoria Academia e Fitness, conseguiu repetir o feito da última competição e conquistou novamente a primeira colação do pódio na Meia Maratona do Tocantins.

Percorrendo 7km em apenas 27 minutos, o atleta que representou a cidade de Tocantinópolis sagrou-se Bicampeão na XV Meia Maratona do Tocantins, disputada na manhã do último domingo, 29, em Palmas.

A corrida mais popular do Estado, a Meia Maratona do Tocantins chegou à XV edição com largada e chegada em frente ao Memorial da Coluna Prestes,tendo como percurso a Avenida Teotônio Segurado.

Para o atleta biquense, a satisfação e principalmente o apoio da família e dos amigos é a principal motivação para a participação na competição. “Agradeço em primeiro lugar a Deus, à minha família e aos que me apoiam sempre. A motivação e o carinho de todos os meus familiares e amigos é a garantia para que a cada ano eu represente a cidade de Tocantinópolis e concorra nesta e em outras competições”, comentou.

A Meia Maratona do Tocantins é uma atividade tradicional da Secretaria do Esporte em parceria com a Associação Palmense de Corredores de Rua que visa comemorar o aniversário do Estado do Tocantins, além de promover momentos de lazer e a prática do esporte com fins de socialização e inclusão social, entre estudantes, atletas e população em geral.

A realização desta competição tem como finalidade também a complementação da preparação dos atletas tocantinenses de corridas de rua e selecionar os melhores para representarem o Estado do Tocantins na Corrida Internacional de São Silvestre em São Paulo.

Trata-se da corrida de rua mais democrática do Brasil, pois além de juntar várias provas (corria popular de 7 km, corrida de revezamento, corrida estudantil, corrida para alunos da Apae, corrida paraolímpica e caminhada), também premia um total de 58 categorias a partir dos 10 anos de idade. (Dirceu Leno)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.