A Prefeitura de Araguaína apresentou na noite desta terça-feira, 5, o projeto do Complexo de Turismo e Negócios Via Lago, que contará com Centro de Convenções, Centro Administrativo Municipal, shopping center e hotel. Valorizando o novo espaço público da cidade, que já está sendo visitado pela população, os novos empreendimentos trarão benefícios econômicos e sociais para o Município, além da geração de 2.200 empregos diretos.

“A Via Lago não será apenas um cartão postal, mas o aproveitamento do espaço público, a economia com deslocamento, a geração de receita para manter o espaço e a transformação de um vazio urbano em um local de atratividade”, afirmou o prefeito Ronaldo Dimas.

O complexo será construído por meio de uma parceria público privada (PPP) na área que surgirá após a conclusão dos trabalhos de canalização do Córrego Neblina, entre a Avenida Filadélfia e o Lago Azul. Além dos empreendimentos da parceria, ao longo da Via Lago haverá a ilha fluvial e quiosques.

Após a ponte, a Via Lago contará com o Parque Poliesportivo, já em construção, e que abrigará também o Centro de Treinamento de Triatlo e Canoagem, que funcionarão em parceria com as confederações brasileiras das respectivas modalidades.

Para estimular a geração de emprego e renda, estão programados a realização semanal da Feira de Arte e Talentos, além da regulamentação para o comércio ambulante, food trucks, aluguel de equipamentos náuticos, equipamentos de lazer infantil e equipamentos de esportes urbanos.

Serão investidos em todo o projeto aproximadamente R$ 190 milhões em quatro etapas, entre a PPP e os investimentos públicos.

Projeto

A empresa ABL Prime apresentou o projeto que contempla a construção de um hotel, um shopping center e do centro administrativo municipal, que reunirá todas as secretarias e autarquias da administração municipal. A Prefeitura alienará a área para construção dos empreendimentos comerciais condicionando o pagamento à construção do Centro Administrativo Municipal.

A empresa foi selecionada após atender ao chamamento público, publicado nos diários oficiais do Município e da União, em 25 de maio deste ano. No convite, as empresas interessadas deveriam elaborar um estudo de viabilidade técnica, jurídica e econômica para o desenvolvimento, implantação, comercialização e gestão dos empreendimentos na Via Lago.

O projeto segue em análise pelas equipes da Prefeitura de Araguaína e, após cumprido todo o rito jurídico, a previsão é de que na próxima semana seja iniciado o processo licitatório. Os trâmites licitatórios têm previsão de 120 a 180 dias. De acordo com o prefeito, as obras devem ser iniciadas em 2019 e concluídas em 24 meses.

Transparência

Antes da apresentação ao público, o projeto foi apresentado na manhã de ontem, 5, aos promotores na sede do Ministério Público Estadual (MPE), em Araguaína. O promotor Tarso Rizo Ribeiro citou a transparência como parte importante do processo.

“No que tange à transparência, é importantíssimo essa apresentação prévia porque já conseguimos sanar algumas dúvidas iniciais e eventualmente vamos aprofundar naquilo que faltou numa visão posterior à apresentação do município”, comentou.

O promotor ainda frisou a importância dos novos empreendimentos para a população. “Como cidadão, acho que será um empreendimento importante para a cidade, porque grande parte da população almeja essa estrutura de shopping center, de uma cidade melhor”, afirmou o promotor. (Mara Santos)

COMPARTILHE

DEIXE UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários são de inteira responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.