No último final semana aconteceu a abertura da Copa Indígena Apinajé. Após 15 anos, o torneio é retomado como umas das principais competições destinadas exclusivamente aos indígenas de Tocantinópolis. Com a presença de considerável público, as partidas aconteceram nos dias 16 e 17, sábado e domingo, nas aldeias São José, Gôgrire, Mariazinha e São Raimundo, respectivamente.

São José e Mariazinha, por serem as maiores aldeias, formaram dois grupos com duas chaves cada. Ou seja, o grupo da São José é formado por 12 equipes e a Mariazinha conta com 8 times. O total da premiação será de R$ 6 mil, sendo R$ 3,5 mil para o primeiro, R$ 2 mil para o segundo lugar e, R$ 500 reais divididos para o goleiro e artilheiro. A Copa que tem suas partidas realizadas durante os finais de semana, conta com 20 equipes e mais de 300 participantes das mais diversas aldeias do município.

Para a realização do certame, a Prefeitura está dispondo todo o material necessário como por exemplo: bolas, redes, marcação de campo, uniforme e transporte para as equipes, além de profissionais de arbitragem capacitados para a promoção do campeonato.

David Wamimen Chavito, da Aldeia São José, falou da sua felicidade em ver o retorno desta competição no território indígena. “Estamos muito felizes e esperamos que esta seja apenas a primeira de várias outras edições que ainda estão por vir”, disse. O cacique Luís Apinajé também comentou sobre a promoção do evento. “Além de nos trazer paz, este campeonato unifica os indígenas e fortalece a nossa cultura”, pontou.

Durante a primeira rodada da Copa Indígena Apinajé foram marcados 62 gols. Confira os resultados das partidas:

Grupo Aldeia São José:

Abacaxi 5 x 1 Cocal Grande

Pintada 2 x 2 Bacabinha

Aldeinha 3 x 2 Prata

Jovens Guerreiros 2 x 2 Gôgrire

São José 6 x 2 Furna Negra

Patizal 5 x 2 Palmeiras

Grupo Mariazinha:

Brejão 0 x 8 Cipozal

Recanto 1 x 3 São Raimundo

Macaúba 1 x 6 Mariazinha

Girassol 10 x 1 Botiquinha

(Dirceu Leno)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.