Foi publicado nesta sexta, 1, no site do CPM XI, o edital que regulamenta a seleção voluntária de professores que atuarão no reforço pedagógico da unidade escolar. Podem concorrer a uma das vagas estudantes de graduação e Pós-graduação de instituições de ensino público ou privadas, e serão ofertadas vagas para os seguintes componentes curriculares: Língua Portuguesa, Matemática, Ciências, Inglês, Química, Física. Os postulantes irão atuar nos Anos Iniciais e Finais do Ensino Fundamental, do 4º ao 9º ano. A seleção é válida por 1 (um) ano, sendo prorrogável por igual período.

As inscrições serão gratuitas e estarão abertas entre os dias 01 a 10 de março do corrente ano, o candidato poderá realizar a inscrição clicando no link abaixo. Após a realização da inscrição eletrônica, o candidato deverá comparecer à sede do CPM Augustinópolis para a entrega da documentação comprobatória, esta fase acontecerá entre os dias 11 a 13 de março, das 08h00min às 18h00min. 

O processo seletivo será realizado por uma comissão composta por coordenadores pedagógicos da unidade escolar. A seleção será feita em duas etapas, sendo a primeira através de prova objetiva e a segunda através de prova didática. O resultado final da seleção e homologação será publicado no dia 26 de março.

No total, serão destinadas 84 vagas, sendo que metade destas será destinada à formação de cadastro de reserva. O candidato aprovado atuará como professor de reforço pedagógico voluntário, com carga horária mínima semanal de 2h/ aula, e este não receberá remuneração por se tratar de serviço voluntário. O voluntário receberá certificação referente à sua participação no programa de reforço pedagógico, que contará como atividades extracurriculares necessárias à formação acadêmica.

Mais informações poderão ser repassadas pelo telefone (63) 99988-1985, pelo e-mail: [email protected] ou presencialmente na coordenação pedagógica do CPM Augustinópolis, no horário entre às 08h00min às 18h00min. (Ascom)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.