Acontece nesta segunda-feira, 11, Audiência de Instrução para interrogatório dos 10 vereadores afastados dos cargos e investigados pela Comissão Processante da Câmara Municipal de Augustinópolis, acusados de receberem propina para votarem projetos de interesse da gestão Júlio Oliveira (PRB), prefeito do município.

Os vereadores afastados e acusados de envolvimento no esquema são: Luizinha (PP), Toinho (PTB), Antônio Barbosa (SD), Antônio Queiroz (PSB), Neguin da Civil (MDB), Ozeas (PR), Nildo Lopes (PSDB), Ângela da Rapadura (PSDB), Marcos da Igreja (PRB) e Vaguin do Hospital (MDB).

Também corre um processo criminal contra os parlamentares.

Na Audiência de Instrução desta segunda, às 9h, no prédio da Câmara, também serão ouvidas testemunhas.

A previsão é que os advogados de defesa já saiam intimados para apresentarem alegações finais, em até 5 dias e posteriormente intimados para última sessão, onde será lido o relatório final e encaminhado para votação pela cassação ou não, dos vereadores, com data provável para acontecer em 22 de março.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.