O Bico do Papagaio viveu mais uma cena de agressão envolvendo político. Desta vez o episódio envolve parlamentares de Angico.

A vereadora Valdina de Barros Lima, a Leca Barros (PPS) registrou junto a Polícia Civil, uma suposta agressão, feita pelo seu colega de Câmara, Raimundo Nonato Oliveira Santana, o Raimundo do Faca (PP), que teria ocorrido na última quinta-feira, 11, logo após a sessão.

O fato aconteceu na presença de todos os vereadores e funcionários da Casa de Leis.

Segundo Leca, Raimundo teria ficado contrariado após ver um projeto seu, ser reprovado no Plenário. A propositura tratava da mudança de horário das sessões. “A intensão dele era mudar o horário para prejudicar outro colega nosso, a pedido do prefeito. Só que reprovamos a iniciativa deles. No final da sessão ele se alterou comigo, desferiu dois chutes que me atingiram e uma série de xingamentos”, contou a parlamentar.

Raimundo do Faca

No Boletim de Ocorrência, Leca disse que só não apanhou mais por conta de outros parlamentares terem impedido. Ainda no documento, consta que Raimundo ainda teria xingado Leca de nomes como: rapariga, puta, chupa rola, vagabunda e cachorra.

Leca disse ainda, que para piorar a situação, a cena de violência aconteceu na presença de sua filha de 10 anos.

Tentamos falar com o vereador Raimundo do Faca mas as ligações não foram atendidas pelo celular do parlamentar e também na Câmara. O espaço fica aberto para a manifestação do mesmo.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.