Um grupo de oito vereadores do município de Esperantina, estiveram na manhã desta terça-feira (16), reunidos com o comandante e o subcomandante do 9º Batalhão da PM em Araguatins, major Weslley Dias Costa e capitão Sandro de Lima Silva, onde foram tratados assuntos relacionados à Segurança Pública naquele município.

O encontro foi no gabinete do Comando do 9º BPM. Os vereadores vieram acompanhando o presidente da Câmara, José Cássio dos Santos Costa. Durante a reunião foram tratados diversos assuntos voltados a Segurança Pública na cidade de Esperantina.

Os parlamentares apresentaram ao comando do 9º Batalhão, major W. Costa, inúmeras demandas, que segundo eles, necessitam além das que já estão sendo executadas, serem implementadas no município, a fim de proporcionar melhorias para aquela população.

No encontro, os vereadores se propuseram efetivar por meio de políticas públicas, parceria a fim de lidar com diversos problemas que afetam diretamente a vida de muitas pessoas no município de Esperantina. Dentre as questões debatidas, foi destacada a problemática relacionada ao trânsito e o número de crianças e adolescentes envolvidas com o uso de drogas.

Major W.Costa e capitão Sandro ouviram todas as sugestões. O comandante abordou sobre a desmistificação quanto a atuação da Polícia Militar por parte de alguns membros da comunidade. “A Polícia Militar, como um órgão público, cumpre seu papel constitucional, está ao lado do cidadão de bem, e trabalha a fim de manter a ordem e a segurança pública”, frisou major W. Costa.

Ainda durante a reunião, major W. Costa propôs juntamente com os vereadores, realizarem uma audiência pública naquela cidade, a fim de por meio de uma ampla discussão ouvir todos os setores, buscando os benefícios que possam alcançar a comunidade de Esperantina.

A audiência ficou agendada para acontecer na próxima quarta-feira (24). Será organizada pela câmara de vereadores, com a participação da comunidade e a Polícia Militar, com local ainda a ser definido. (Ascom 9 BPM)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.