Caminhoneiros reclamam das péssimas condições de um trecho na estrada que dá acesso ao Posto Fiscal da cidade de Estreito, no sul do Maranhão. O posto fiscal fica na divisa do Maranhão com o Bico do Papagaio e é um dos mais importantes do estado.

Caminhões e carretas têm dificuldade para passar pela estrada, que está cheia de lama e buracos. Os caminhoneiros dizem que chegar ao posto fiscal, de parada obrigatória, é um desafio e há risco de ficar atolado na lama.

Em nota, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) informou que a manutenção do acesso ao Posto Fiscal na BR-010 (Estreito) é de responsabilidade do Governo do Estado do Maranhão. O DNIT informou ainda que autoriza a construção às margens da BR, mas é atribuição do autorizado zelar pelo acesso e mantê-lo em boas condições.

Já o Governo do Maranhão disse que não cabe à gestão estadual o gerenciamento e execução do trecho que fica às margens de uma rodovia federal.

Comerciantes cobram da Prefeitura de Estreito uma ação emergencial, já que o problema vem afetando diretamente os moradores.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.