O secretário de Agricultura, Abastecimento e Produção, Seaap, Valdir Torres, esteve nesta segunda-feira, 08, visitando produtores do Programa da Agricultura Familiar, pertencente ao projeto “Cinturão Verde”. Na oportunidade, Valdir aproveitou para vistoriar os estragos causados pelas chuvas nas horticulturas dos pequenos produtores do município. Intuito da visita foi identificar os danos e avaliar possíveis soluções para os problemas. Prejuízos afetaram cerca de 80% da área cultivada nos bairros Parque Imperial, Vilinha, Parque Santa Lúcia, Parque Alvorada I e II, Grande Vila Nova, entre outros.

“Esta visita ao pólo do Cinturão Verde mostra as dificuldades que esses produtores passam atualmente. Por determinação do prefeito Assis Ramos viemos analisar quais os impactos negativos, entre outros prejuízos que essas famílias vivem nesse momento, devido as perdas e estragos causados pelas chuvas”, disse Valdir Torres.

Segundo ele, a Prefeitura dará apoio ao pequeno agricultor para buscar alternativas para reverter a situação. “Vamos trabalhar em parceria com a associação, buscar novos meios para recuperação dos plantios desses produtores, além de inseri-los nos programas municipais”, afirmou.

O presidente da Associação dos Agricultores Familiares do Maranhão, Agrima, Edmar Morais Bandeira conta que os prejuízos são incalculáveis. “Literalmente nossa produção foi por água abaixo, com perdas irreparáveis na produção e no fornecimento de alfaces, rúculas, cheiro verde, cebolas, entre outras hortaliças, vez que 80% a 90% por cento o que foi plantado encontra-se queimados ou apodrecendo”, avalia o presidente.

Na propriedade do horticultor Cledson Ferreira Santos, as perdas foram quase que por completo. “A única alternativa que temos nesse momento é esperar as chuvas cessarem e começar do zero. Tivemos outros prejuízos em anos anteriores, mas nessas proporções, desde que comecei a cultivar hortaliças foi a primeira vez”, conta.

Ele enfatiza que com os prejuízos, a produção não supre as expectativas de fornecimento e entregas. “ “Fornecemos para uma grande rede de supermercados, feirantes entre outros estabelecimentos, é daqui que tiramos nosso sustento, e nessa situação ainda corremos o risco das perdas de contratos”, pontua.

Ao final da visita, o secretário da Seaap agradeceu a colaboração dos agricultores em nome do prefeito Assis Ramos, colocando a Secretaria de Agricultura à disposição da associação para uma reunião que acontecerá na quarta-feira, 17, na sede do Centro de Difusão Tecnológica, CDT. O encontro contará com a presença do gestor municipal, representantes da Agrima e da equipe técnica da Secretaria de Agricultura para tratar da real situação e assuntos futuros.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.