O presidente da Associação Tocantinense de Municípios (ATM) e prefeito de Pedro Afonso, Jairo Mariano, na companhia de cerca de trinta gestores municipais, recebeu a Diretora do Departamento de Políticas das Mulheres e Relações Sociais, Morgana Macena, nesta quarta-feira, 03, na sede da associação, em Palmas.

A representante do Ministério da Família, Mulher e Direitos Humanos representou a ministra Damares Alves e anunciou programa que será executado nos municípios tocantinenses, contendo ações voltadas a defesa da vida, da mulher e das crianças. Inclusive, a representante do Ministério atua há mais de 20 anos nessa problemática, o que lhe rende atualmente uma indicação ao Prêmio Nobel da Paz.

A reunião.

A reunião teve a articulação e coordenadoria do ex-prefeito de Almas e jornalista, Goianyr Barbosa. Cerca de trinta prefeitos ouviram da representante do Ministério a execução de um programa que levará ações de cidadania, conscientização, cultura, proteção e saúde à milhares de mulheres tocantinenses e ainda crianças.

Ponto Vermelho

Segundo Macena, o Tocantins é classificado como ponto vermelho nas estatísticas do Governo Federal quanto aos números sobre violência contra mulheres. “Temos a clara constatação que o número não retrata todo o universo de ocorrências dos casos de violência contra a mulher no Tocantins, pois sabemos que há muito mais ocorrências. Há uma demanda reprimida de informação. Com isso, a necessidade de programar políticas públicas efetivas aqui no Tocantins”.         

Morgana anunciou ainda a Casa da Mulher Brasileira em Palmas. Esse serviço compreende um espaço público para atendimento humanizado e personalizado de mulheres em situação de violência doméstica. O local reúne defensoria, delegacia, juizado, promotoria, além de alojamento e apoio psicossocial.

Comprometimento

O presidente da ATM pediu à representante do Ministério o comprometimento pela execução de um programa efetivo no Tocantins. “Que conheça os Municípios e faça o direcionamento das ações para as reais necessidades do cidadão, no que diz respeito ao objetivo do programa”, disse.

Mariano lembrou sobre a realidade do modelo federativo de concentração de recursos em Brasília, enquanto a grande maioria dos pequenos municípios não tem capacidade de investimento em programas sociais.

Visitas

Segundo o Ministério, o projeto deverá visitar os Municípios da região Jalapão e Sudeste para diagnósticos. Posteriormente, será desenvolvido cronograma de ações nas localidades. Inicialmente, deverão ser visitados os Municípios das regiões do Jalapão e Sudeste tocantinense.

Foi anunciada ainda que o programa terá acompanhamento aqui no Tocantins da primeira – dama do Brasil, Michelle Bolsonaro.

Participaram

A reunião teve a presença do vice-governador do Estado do Tocantins, Wanderley Barbosa, do     Coronel Alecrim, que representou o Coronel Jaison, Comandante Geral da Polícia Militar, representantes do Ministério da Família, da Mulher e dos Direitos Humanos, e de representantes da secretaria de Estado da Cidadania e Justiça, além de representantes dos Municípios tocantinenses. 

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.