A Secretaria de Segurança Pública (SSP), informou ao Portal G1, que o advogado do prefeito, Ronaldo Parente, entrou em contato com o delegado regional de Araguatins e informou que o gestor vai se apresentar na manhã desta quarta-feira, 10, para prestar esclarecimentos sobre os disparos de arma de fogo que foram efetuados na noite desta terça-feira, 9, contra a residência do vereador, Adelsim do Povo (PP).

Segundo dados preliminares da Polícia Civil, pelo menos 10 tiros atingiram a casa de Adelsim. A assessoria da Polícia Militar aponta que aparentemente foi usada uma pistola .380.

O incidente aconteceu após um desentendimento via whatsapp. Adelsim não estava na casa no momento, mas estavam os filho do vereador, Aylla Valentina, de 3 anos e Luís Fabiano, 7 anos, além da sogra e cunhada do parlamentar. Ninguém ficou ferido.

Ainda ao G1, a Polícia confirmou que testemunhas afirmaram ter visto o Ronaldo Parente chegar em uma caminhonete momentos antes dos disparos.

A SSP informou que o delegado regional solicitou perícia da casa e um inquérito foi aberto para investigar o caso.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.