Um homem, identificado como Claudison da Silva, foi preso durante o fim de semana, em Imperatriz, sob suspeita de subtração de incapaz. Além isso, pesa contra ele, uma acusação de estupro de vulnerável. Apesar das acusações, ele não ficou preso.

O homem teria abusado da enteada de apenas 11 anos. De acordo com informações do delegado regional, Eduardo Galvão, há uma investigação em andamento pelo crime de estupro de vulnerável, ocorrido em Açailândia, em 2015. Na época ele foi preso, inclusive estaria em cumprimento de pena.

Porém, nesse fim de semana, o homem foi conduzido por subtração de incapaz. “Ele pegou um filho a revelia da mãe, a família acionou a polícia e ele foi conduzido. Mas há investigações realmente de que ele teria praticado um estupro de vulnerável”, explicou o delegado regional, Eduardo Galvão.

Por falta de provas, o homem foi liberado, mas o caso está sendo investigado pela Polícia Civil.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: folhadobico@hotmail.com que iremos analisar.