O Ministério Público abriu inquérito para investigar possível sonegação de informações sobre o processo licitatório n° 081/2018, referente a uma distribuidora de medicamentos, contratada pela Prefeitura Municipal.

Além do acesso negado à documentação, o MP vai apurar a não publicação do contrato da empresa no Portal da Transparência do município, o que impossibilita a obtenção do documentos para fins de fiscalização.

O MPE também investiga, nesse caso, se o prefeito praticou ato de improbidade por violação de princípios da administração pública.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.