Equipe da Superintendência de Desenvolvimento Regional, Urbano e Habitação define cronograma de obras com o Banco Paulista

O superintendente de Desenvolvimento Regional, Urbano e Habitação (Sehab) da Secretaria de Estado da Infraestrutura, Quesede Henrique, recebeu na manhã desta terça-feira, 26, o superintendente do Banco Paulista, Leandro Ribeiro. Na ocasião, foram discutidas a programação do retorno e a finalização das obras do programa Minha Casa Minha Vida I, que estão paralisadas em municípios do Bico do Papagaio e no restante do estado do Tocanitns.

Quesede Henrique e a equipe da superintendência de habitação defenderam retorno imediato das obras. “Os beneficiários precisam dessas unidades habitacionais e não podemos deixar essas pessoas esperando por mais tempo. Acordamos que as obras serão realizadas por etapa, vamos começar por aquelas que já estão com mais de 70% dos serviços realizados”, explicou.

Ainda de acordo com Quesed Henrique, o Governo do Estado está trabalhando para retomar todas as obras de habitação. “O nosso estado, infelizmente, ainda tem um alto déficit habitacional e, por meio desses programas, podemos mudar esse cenário. Estamos trabalhando, fazendo levantamento da situação das obras, mantendo contato com as instituições financeiras e construtoras para conseguirmos retomar essas obras”, disse.

De acordo com a engenheira civil da Sehab, Valéria Hollunder, o cronograma de execução da maioria das obras está bem avançado e, ao ser retomado,será concluído em um curto espaço de tempo. “São obras que já estão em fase de conclusão e seguindo o cronograma, até o final do ano, já será possível entregar muitas delas”, ressaltou.

O superintendente do Banco Paulista, Leandro Ribeiro, reiterou que as obras serão retomadas por etapas. “Serão três ou quatro etapas. Primeiro, os municípios que estão acima de 70%; depois, os municípios que estão com as obras de 50 a 60% executadas e assim sucessivamente, até que todas as obras sejam concluídas. Até final do ano, já estaremos com todas essas obras em andamento e muitas delas sendo concluídas”, explicou. (Com informações de Cláudio Paixão)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.