Da força de Siqueira Campos candidato tucano ao Governo do Estado todo mundo conhece, mas para quem pretende vencer uma eleição o mínimo de organização sempre é recomendado mesmo que a atuação seja numa cidade onde a grande maioria de eleitores tem uma predileção por determinado candidato, e este é caso de Araguatins na relação com Siqueira Campos, prova disso foram as consagradoras vitórias em Araguatins que Siqueira em todas as eleições que disputou conseguiu obter.

A caminhada de sábado, 17, onde Siqueira Campos, João Ribeiro, Vicentinho e João Oliveira percorreram o centro comercial da cidade serviu para mostrar a disposição dos candidatos e fazer os primeiros contatos com a comunidade araguatinense. Para quem apenas passou, olhou de longe, ou, abraçou Siqueira, tudo estava normal, mas nos bastidores a guerra foi instalada.

Na ânsia de mostrar serviço e tentar tomar a frente de um processo que vai muito além das vaidades pessoais, o grupo que trabalha para viabilizar a candidatura do vereador Nemesio Parente(PR) à Prefeitura de Araguatins em 2012, organizou uma reunião as escondidas na Pousada Encontro das Águas, de propriedade do empresário Vagner Praxedes, também conselheiro do Tribunal de Contas do Estado(TCE). A reunião marcada para às 8hs de quinta-feira, 15, serviu para que Vagner Praxedes, Luís Tolentino e Pretinho do Supermercado numa espécie de afã de liderança tomassem para si a responsabilidade de organizar as ações do candidato Siqueira Campos em Araguatins.

Para a reunião foram convidados apenas membros do grupo ligado a articulação da candidatura de Nemesio Parente à deputado com vistas a prefeito em 2012, capitaneados por Vagner Praxedes, Luís Tolentino e Pretinho do Supermercado; o ex-prefeito Bolecho – este convidado de última hora – e alguns apaniguados .

Na ansiedade de tomar frente e mostrar serviço, esquecendo-se que eleição se vence com todo um grupo, os três apressadinhos Vagner Praxedes, Luís Tolentino e Pretinho, cometeram erros primários que mostram o total amadorismo que já lhes rendeu frutos desagradáveis na última eleição municipal de 2008, quando estes mesmos faziam parte da coordenação da campanha do ex-prefeito Bolecho tendo o resultado conhecido por todos, ou seja, a nulidade de todos os votos da coligação.

Os erros

Casou grande reprovação em meio ao lideres utistas em Araguatins não serem convidados para a reunião de organização do evento. Lideres experimentados nas urnas e com excelente votação sequer foram avisados da reunião para colaborarem e ajudarem a traçar a programação da visita siqueirista, exemplos como Dona Ires, presidente do PSDB partido ao qual Siqueira Campos é filiado não chegou a receber nem recado sobre a tal reunião na Pousada, Dona Ires obteve 2.453 na eleição de 2006. Aldair Machado líder também experimentado, candidato em 2006 obtendo 1.779 votos não foi lembrado.

Outros que foram deixados de fora foram os vereadores com mandato, além de ex-vereadores que exercem forte influência no meio utista como LL Soares e Sérgio Gomes.

Os próprios candidatos a deputado estadual pela coligação de Siqueira Campos não foram convidados como foi o caso de Marcos da Eticcam(DEM), Filho (PV) e Cabo Neto(PSDB), todos excluídos da reunião. De última hora já prestes a começar os debates resolveram convidar Eticcam que apresentou diversas sugestões mas todas refutadas e rejeitadas pelos três chefes do ajuntamento.

Outra série de erros também ocorreram na falta de sintonia entre os três organizadores, como falta de carro de som na recepção do candidato, falta de veículo apropriado para transporte, falta de microfone para anunciar a presença de Siqueira durante a caminha, tudo resolvido de última hora e aos atropelos.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.