Uma nova modalidade de policiamento foi criada recentemente na gestão do major Weslley Dias Costa, a Patrulha Rural. O primeiro policiamento com a viatura camionete caracterizada foi no dia 29 de junho.

O serviço de policiamento ostensivo motorizado é voltado a comunidade que residem na zona rural. A intenção da medida surgiu desde quando major W. Costa assumiu o comando do 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM) em janeiro desse ano.

A modalidade de policiamento visa incrementar as ações policiais militares desenvolvidas pelo 9º BPM em busca da coibição e redução de crimes que vem sendo praticados contra a comunidade que reside fora da cidade.

Diante do papel constitucional da PM em garantir a ordem e a segurança pública, motivou o comandante do Batalhão a iniciativa em criar a patrulha em consonância com a base de dados das estatísticas de ocorrências envolvendo moradores que residem nas zonas rurais.

Por meio dessa medida em criar a patrulha, a missão é coibir diversas ações praticadas pelos criminosos, tornando ainda menor o tempo de pronta resposta às ocorrências das diversas naturezas registradas no campo, entre elas, roubo de gado e demais semoventes, furto de máquinas e implementos agrícolas.

As ações visam também, evitar que veículos furtados ou roubados, que muita das vezes são vendidos aos receptadores nessas localidades continuem a circular, foragidos da justiça que se encontram escondidos, pessoas armadas ilegalmente e tráfico de drogas nas zonas rurais.

Durante as rondas, moradores demonstraram satisfação e reconhecimento com a modalidade de policiamento realizado pela Polícia Militar.

É o caso do sr. Francisco, morador do povoado Taquarizinho, município de Araguatins, “estamos contentes e felizes em ver uma viatura da PM realizando policiamento em nossa região, confessamos que é a primeira vez que percebemos e que com certeza nos proporcionará maior segurança”, afirmou ele.

A patrulha rural está sendo empregada nas comunidades dos 14 municípios da região do Bico do Papagaio, onde o 9º Batalhão atua. (Ascom 9 BPM)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.