Mais de meio quilo de maconha, quase 300 gramas de crack, joias de ouro e prata, relógio, além de outros objetos, foram apreendidos pelas Polícias Militar e Civil durante operação realizada na tarde desta quinta-feira, 19, em Araguatins.

A operação teve início após levantamento realizado pelo serviço de inteligência da PM.

Os materiais apreendidos foram encontrados em poder de três homens com idade de 30, 28, 22 anos e um menor com 16.

Dois dos acusados, entre eles, o adolescente, foram detidos ainda dentro de uma canoa tracionada por motor “Rabudo” quando foram vistos em atitudes suspeitas.

A PM usou uma lancha para chegar até aos suspeitos e realizar a abordagem. A canoa estava na margem direita do Rio Araguaia, no povoado Transaraguaia, proximidades da cabeceira da ponte que liga o estado do Tocantins com o Pará.

Ao serem abordados, os acusados declararam aos policiais a participação de mais duas pessoas envolvidas com o tráfico e que estavam em Araguatins. Dando continuidade à ocorrência em operação conjunta com a Polícia Civil os policiais prenderam mais dois traficantes.

Na residência onde os mesmos estavam os policiais apreenderam cerca de 90 gramas de maconha e uma quantia de R$ 50 reais em dinheiro.

Os três acusados e o menor foram conduzidos para a Central de Flagrante juntamente com os materiais apreendidos na ação para as devidas providências.

Na avaliação do comandante do 9º BPM, major Weslley Dias Costa, “operações envolvendo as duas forças de segurança pública, Polícia Militar e Polícia Judiciária, objetiva aproximar ainda mais essas duas instituições que trabalham em prol do mesmo objetivo, a segurança do cidadão”.

Ainda de acordo com o comandante Weslley, “é que os resultados sempre serão positivos, aumentando ainda mais a sensação de segurança para a sociedade”. “Além desta operação de tráfico de drogas”, disse ele: “podemos citar como exemplo, a operação que resultou na prisão dos assaltantes de banco na cidade de Augustinópolis, desencadeada nesse último domingo, 15, onde a Polícia Civil, dando continuidade a ocorrência atendida pela PM, por meio de investigação, prendeu o restante da quadrilha”, enfatizou.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.