Para garantir o conforto da população, que acompanha a cavalgada, o prefeito Assis Ramos, juntamente com o secretário de Planejamento Urbano, Fidélis Uchôa, e a presidência do Sindicato Rural, decretaram a liberação da montagem de tendas no percurso. Ação será permitida apenas durante o trajeto pelas ruas da cidade, para que os participantes se protejam do sol, e não inclui a BR 010, por se tratar de via federal.

O prefeito Assis Ramos explica que “as tendas estão autorizadas, desde que não fechem as laterais de forma a empurrar as pessoas para o meio da rua e não ultrapassem o limite das calçadas. Só não podem ser instaladas na BR 010″, destacou.

O secretário, Fidélis Uchôa, ressalta que “não será permitido o isolamento das calçadas, com freezers ou fitas, pois tal prática tira o direito das pessoas de transitarem em espaço público. A fiscalização vai orientar as comitivas para evitar transtornos durante o evento”. Vendedores ambulantes serão permitidos no local, porém, por recomendação do Ministério Público, está proibida a venda de bebidas em garrafas de vidro.

Os cavaleiros e amazonas saem da Praça da Cultura, por volta das 9h30. As comitivas desfilam pelas ruas Luís Domingues, Amazonas e Getúlio Vargas, seguindo pela BR 010, até o Parque de Exposições Lourenço Vieira da Silva, com previsão de chegada às 13h. À noite, a festa continua ao som da banda Forró dos Tops e da dupla Bruno Sampaio e Josué, com entrada franca.

Equipe da Secretaria de Planejamento Urbano, localizada na Rua Rafael de Almeida Ribeiro, 600 – Bairro São Salvador, está a disposição para sanar dúvidas e prestar quaisquer esclarecimentos sobre a disposição das tendas na 27ª Cavalgada de Imperatriz.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.