O subtenente Moisés do 5º GBM (Grupamento de Bombeiro Militar) não relatou nenhuma situação de afogamento ou perigo na extensão do balneário. O Corpo de Bombeiros realizou a demarcação da área com boias, criando uma área destinada ao lazer dos banhistas. “Pedimos que as pessoas permaneçam nessas áreas cobertas por guarda-vidas, para que o serviço tenha mais êxito. Além disso, temos o apoio te todo sistema integrado de segurança, com ambulâncias do outro lado do rio para deslocar em casos mais graves para o hospital. Entretanto, até o momento não houve nenhuma ocorrência grave, está transcorrendo tudo dentro da normalidade”, endossou o bombeiro.

Jairo Milhomem, coordenador da Defesa Civil Municipal, ressaltou se tratar do primeiro ano que a Defesa Civil está na praia, com o trabalho nas funções secundárias do Corpo de Bombeiros, como orientação aos barqueiros, rabeteiros e banhistas para não irem para áreas de risco. No total, são 20 agentes de Defesa Civil dando apoio.

Reforçando a sensação de segurança, a Guarda Municipal está todos os dias presente à praia do Tucunaré. O guarda municipal Soares afirmou que não foi registrado nenhuma situação adversa.

De acordo com o capitão Almada, a Polícia Militar está efetuando o policiamento 24 horas por dia na Praia do Tucunaré, com cerca de 15 policiais por turno, juntamente com outros órgãos de segurança em defesa social, com em média 50 agentes por dia. “Temos o apoio do Corpo de Bombeiros, Defesa Civil, Guarda Municipal, tudo isso buscando a paz social e o bom atendimento aos banhistas, pessoas que frequentam a praia. Tudo tranquilo até agora”, sintetizou o policial.

Vigilância Sanitária

Verificando as relações comerciais para que se mantenham dentro do equilíbrio da saúde, a Vigilância Sanitária mantém presença na praia do Tucunaré. “Todo produto e serviço prestado que possa ter impacto à saúde é passivo da avaliação da Vigilância Sanitária. Os barraqueiros foram devidamente orientados muito antes de montar as instalações, os ambulantes receberam curso de capacitação. A Vigilância Sanitária passa em todos os estabelecimentos para verificar e trazer novas orientações”, explicou Silvio Silva, da equipe de Vigilância Sanitária.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.