Por meio de Nota, a assessoria jurídica da Câmara Municipal de Praia Norte, rebateu as afirmativas feitas nesta quarta-feira, 25, contra o presidente do Poder Legislativo, Naldo do Ciliro (PHS), acusado pelo Poder Executivo, de atuar para barrar projeto d elei que visa municipalizar a abastecimento de água no município.

Com a palavra, a Câmara Municipal:

No dia 21 de julho do corrente mês ocorreu na Câmara Municipal de Praia Norte aquilo que não foi um audiência pública, haja vista que as autoridades da cidade não foram comunicadas por meio de ofício, não tendo porem a mínima chance de debate ou defesa, sendo emanados, por parte do executivo municipal, apenas acusações sem base ou prova alguma. Sendo que nenhum representante do mistério público, nem representantes da empresa ATS foram notificados, para que mais coisas fossem esclarecidas à população. Em meio disso o que se leva a crer é que o que existiu de fato, foi apenas um desabafo político com o intuito de pôr a população contra os vereadores praianortense.

Em anexo está disponibilizada aos leitores a ata assinada pelos parlamentares, do dia que o Projeto de Lei foi apresentado pelo presidente da Câmara, desmentindo assim os ataques mentirosos que alegaram o contrário.

 

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.