Setor Aeroporto, quadra 8, lote 13. Este é o endereço que o pedreiro Sebastião Soares Dias, de Pedro Afonso, agora tem, e que anuncia todo orgulhoso. Como ele, outras 114 famílias agora têm endereço certo. Durante a entrega das moradias, realizada neste domingo, 16, no mu9204-Frederick_Borges_Secom-nicípio, o governador Marcelo Miranda destacou que as casas inauguradas, e as mais de 38 mil construídas em todo o Estado, representam a valorização do ser humano e resgatam a dignidade das famílias.

As casas estão distribuídas sob forma de conjuto habitacional no setor. A construção foi possível graças ao convênio PSH – Programa do Subsídio Habitacional, do governo federal, a contrapartida do governo estadual, que entra com entrega de cheques moradia e doação do terreno, a parceria da prefeitura, que realiza as obras de infraestrutura básica, e a partipação do MNLM – Movimento Nacional de Luta pela Moradia, por meio da mobilização da comunidade. O representante do MNLM no Tocantins, vereador Bismarque Roberto de Sousa, reforçou que a concretização do projeto só foi possível graças à parceria contínua com os governos estadual e federal e prefeitura.

TO-010

Reforçando a estrutura de escoamento da produção tocantinense, o governador Marcelo Miranda também inaugurou em Pedro Afonso a pavimentação do trecho da TO-010 que dá acesso aos projetos do Prodecer – Programa de Cooperação Nipo-Brasileira para o Desenvolvimento dos Cerrados. Os investimento são de R$ 23,6 milhões em recursos do governo estadual.

Na ocasião, o governador frizou que a obra é parte da concretização do sonho dos produtores que investiram na região. “É algo de suma importância para o desenvolvimento de Pedro Afonso. Junto com a Ferrovia Norte-Sul, a facilidade de acesso pela ponte de Pedro Afonso, rodovias pavimentadas e o projeto da hidrovia que toma corpo, os modais estarão completos para que a gente possa estreitar as relações com os grandes centros e continuar batendo recordes de exportações”, completa.

O presidente da Coapa – Complexo Agroindustrial de Pedro Afonso, Ricardo Khouri, lembrou que há cerca de 15 anos a agricultura se consolidou na região de Pedro Afonso e agora, com a construção dos modais de transporte, possibilitados pelo empenho do governo estadual, a região se prepara para se tornar referência no setor agroindustrial. “Esses investimentos em infraestrutura vão possibilitar a vinda de grandes indústrias, o que torna possível a transformação da nossa matéria-prima e, consequentemente, agregação de valor na nossa produção”, comemora.

Presente nas inaugurações, o deputado estadual Sandoval Cardoso ressaltou o trabalho do governo do Estado, entregando obras pontuais, que valorizam e reconhecem a população de Pedro Afonso.

Pavimentação

O trecho inaugurado possui 46 km de extensão. Quando asfaltados, os outros 40km da TO-010 vão dar acesso mais rápido ao município de Tocantínia e a Palmas. Por se tratar de área indígena, o governo do Eestado aguarda autorização da Funai – Fundação Nacional do Índio, para asfaltamento. Em abril último, o assunto esteve na pauta de discussões do governador Marcelo Miranda numa audiência com o presidente Lula. De acordo com o governador, o presidente disse que sua assessoria vai estudar o caso.

Visitas

Como parte da programação, Marcelo Miranda visitou a Fazenda Brejinho. Um dos proprietários, João Damasceno de Sá Filho, disse que com a pavimentação do trecho, o acesso à propriedade ficou muito mais fácil e ágil, o que até barateia o custo de escoamento da produção.

O governador visitou também as futuras instalações do complexo industrial da Bunge Açúcar e Álcool, e o projeto agrícola, onde está a plantação das primeiras mudas experimentais da cana-de-açúcar que serão processadas industrialmente para a produção de açúcar, álcool combustível e energia renovável. Nesta segunda-feira, 17, o mesmo grupo deve estar no Palácio Araguaia para assinar um protocolo de intenções para a criação de uma usina esmagadora de soja.

Participaram das inaugurações deputados estaduais e federais, o senador Leomar Quintanilha, secretários de Estado, prefeitos das cidades vizinhas, lideranças e a população local.  (Chistiane Lima)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.