Policiais da Superintendência Estadual de Investigação Criminal (Seic) prenderam Elbo Augusto Barbosa Bayma, de 22 anos, no condomínio Grand Park, no bairro Barramar, em São Luís, nesta terça-feira (29), por agenciar mulheres para prostituição dentro do seu próprio apartamento.

Na chegada à residência, os policiais encontraram, além de Elbo, mais duas pessoas, sendo uma mulher de 19 anos. Ela confirmou as suspeitas de prostituição no domicílio.

Os agentes apreenderam ainda uma pequena quantidade de maconha que estava com Wanderlan Reis da Silva Filho, identificado como companheiro de Elbo.

Elbo Bayma foi autuado em flagrante pelo crime de rufianismo, previsto no Artigo 230 do Código Penal. Foi arbitrada fiança, mas o valor não foi divulgado pela polícia. Elbo segue sendo alvo de investigação policial agora sobre denúncias de extorsão e “o possível envolvimento com um grupo criminoso responsável pelo tráfico interno de pessoas para exploração sexual”, como informou a Polícia Civil.

Quanto a Wanderlan, encontrado com maconha, foi registrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) pela posse de droga para consumo pessoal.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.