Em reunião no gabinete do secretário de Trânsito e Transportes, a Prefeitura de Imperatriz, por meio da Secretaria de Planejamento Urbano, junto a Associação dos Vendedores Ambulantes de Calçadão, debateram sobre a realocação provisória dos profissionais que atuam diariamente na área central da cidade. Com o anúncio da reforma imediata do Calçadão, a gestão municipal busca solução para a situação dos vendedores ambulantes no local.

Marcaram presença membros da Igreja Adventista do Sétimo Dia, que está situada na área previamente estudada para realocação. Também foram convidados representantes do Governo do Estado e da empresa executora da obra, que não compareceram alegando outros compromissos.

Foi decidido que será formada comissão pelo Executivo, representada pelo Trânsito e Transportes, Leandro Braga, e ambulantes visando conferir in loco as vias paralelas, ruas Coriolano Milhomem e Simplício Moreira. A proposta avaliada é delimitar essas ruas para o estacionamento entre a Avenida Dorgival Pinheiro de Sousa e a Rua Luís Domingues, abrigando vendedores uniformizados e em áreas demarcadas, sem obstruir as frentes de lojas e o passeio público.

“Os lojistas também serão notificados dessa mudança provisória, enquanto finalizamos o projeto do Shopping Popular, local onde esses vendedores serão abrigados permanentemente”, afirmou o secretário de Planejamento Urbano, Fidélis Uchôa.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.