O Conselho Comunitário de Segurança Pública de Tocantinópolis – CONSEG, realizou durante toda a semana, visitas a comunidade tocantinopolina, a fim obter recursos para a implementação do Projeto de vídeo monitoramento da  cidade .

A Diretoria do CONSEG, ferramenta de participação social em Segurança Pública que atuando como entidade sem fins lucrativos, esteve durante toda a semana realizando visitas nos principais estabelecimentos comerciais da cidade, bancos, correios, casas lotéricas, demais instituições financeira, Empresas, Fórum, Prefeitura e Câmara Municipal, apresentado o projeto de vídeomonitoramento da cidade de Tocantinópolis. O objetivo dessas visitas é captar recursos necessários para a implantação do sistema de vídeomonitoramento da cidade. O valor inicial do Projeto está orçado em cerca de 100 mil reais e com alguns ajustes poderá ficar em torno de 80 mil. Com o sistema de monitoramento, o CONSEG pretende instalar câmeras de última geração  em vários pontos estratégicos da cidade. O videomoniotoramento é atividade desenvolvida por um conjunto de equipamentos que captam imagens e a transmitem em tempo real para uma central de monitoramento para serem gerenciadas. Permite a vigilância eletrônica de vários locais ao mesmo tempo com um número reduzidos de operadores.

Um bom projeto de videomonitoramento, além da presença de câmeras, deve trazer resultados concretos para a sociedade, sobretudo com queda nos índices de criminalidade, aumento na recuperação de veículos roubados e maior resolução de ocorrências ao usar as imagens como provas. No Tocantins várias cidades já aderiram a esse projeto, como Lagoa da Confusão, Xambioá, Miracema e outras.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.