Tocantinópolis está entre as cidades do Tocantins que apresenta baixos índices de umidade relativa do ar. No mês de julho, por exemplo, os registros chegaram na casa dos 30%. Sem previsão de chuvas para os próximos dias, é sempre muito importante a população ficar atenta com a saúde, já que no período de tempo mais seco e altas temperaturas favorecem o surgimento de problemas de saúde.

Quando a umidade do ar cai, consequentemente os índices de poluição aumentam, os riscos de queimada são mais frequentes e os reflexos negativos na saúde são inevitáveis. Nesse sentido, a Prefeitura de Tocantinópolis, através da Secretaria Municipal de Saúde na busca de melhorar os atendimentos hospitalares e diminuir as incidências relativas às dificuldades respiratórias, adquiriu novos aparelhos de nebulização de ar.

Segundo o secretário municipal de Saúde, Jair Aguiar, foram adquiridos 10 nebulizadores de médio porte, com quatro saídas cada, os quais serão destinados para a Atenção Básica (Postos e Unidades Básicas de Saúde); e 4 nebulizadores de grande porte, com 8 saídas cada, para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e Hospital Municipal José Saboia.

“Esta aquisição corrobora os cuidados da Gestão Municipal, por meio do prefeito Paulo Gomes no atendimento às pessoas. É um período crítico, devido ao clima seco, momento em que as doenças respiratórias aumentam significativamente, sobretudo, em crianças e idosos. Assim, tivemos a preocupação de comprar novos aparelhos não somente para a UPA e Hospital, mas também para a toda a rede de Atenção Básica. Deste modo, as pessoas poderão ser atendidas em seus respectivos postos de saúde sem sobrecarregar a UPA e o Hospital”, informou o secretário de Saúde, Jair Aguiar.

O prefeito Paulo Gomes destaca que o Governo Municipal tem voltado as atenções para saúde pública e, consequentemente, adquirido novos equipamentos visando uma saúde pública de qualidade. “Somos uma administração inovadora e que busca o melhor para a população. A Saúde é uma de nossas prioridades, portanto, os novos equipamentos irão garantir aos pacientes uma melhor nebulização, visto que no verão devido à baixa umidade, tem-se aumentado o número de pacientes na UPA, no Hospital e nos postos de saúde”, disse o gestor.

A pediatra, Drª Luciana Donola ressalta sobre os cuidados que a população deve tomar com a saúde durante esse período de estiagem, sempre priorizar a hidratação do corpo e a umidificação de ambientes com intuito de evitar a desidratação e a incidência maior de doenças respiratórias, além de dores de cabeça, irritações nos olhos, nariz, garganta e pele.

“Estamos na época do verão e isso faz com que resseque muito nossas vias aéreas. Com o tempo seco surge mais um agravante, a poeira. Em nossa cidade e na região é comum ver pessoas colocando fogo em lixo e no mato, não sei se por necessidade ou por desinformação. O ideal seria que recolhesse o lixo e as folhas e não colocar fogo, pelo contrário, acondicionar em sacos para que a equipe de limpeza pública recolhesse”, informou Luciana.

Donola destaca ainda que a fumaça causada pelas queimadas é muito prejudicial principalmente para as crianças e idosos. E com a aquisição dos nebulizadores os atendimentos serão ampliados tanto na UPA como os postos de saúde. “Nessa época muitas pessoas aparecem com tosse, coriza, gripe e nariz escorrendo. Isso são características de alergia à poeira e à fumaça, o que acaba sendo muito prejudicial à saúde, porque nessa época do ano não chove, porém, temos que lidar com poeira e evitar as queimadas”, ressaltou a pediatra.

Recomendações

A Secretaria Municipal de Saúde de Tocantinópolis exemplifica alguns cuidados que devem ser tomados, especialmente por crianças, idosos e doentes crônicos, que são mais suscetíveis a doenças.

Crianças e idosos são os mais afetados pela baixa umidade do ar. Por isso, é necessária atenção especial a esses dois grupos de pessoas. O cuidado essencial, neste caso, é incentivar a ingestão de bastante água, além de sucos naturais feitos de maneira adequada, e água de coco.

Também é importante manter a higiene doméstica, evitando o acúmulo de poeira, que desencadeia problemas alérgicos. Dormir em local arejado e umedecido pode contribuir para uma noite de sono tranquila. Os ambientes podem ser umidificados com toalhas molhadas e até umidificadores. Recomenda-se, ainda, o uso de soro fisiológico para manter a lubrificação dos olhos.

A pele também merece atenção especial neste período. Evite banhos com água muito quente, que provocam o ressecamento da pele, e use sempre que possível um creme hidratante. Em caso de irritação das vias aéreas e dos olhos, use soro fisiológico para lavar os olhos e as narinas. (Dirceu Leno)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.