Produtores rurais que moram nas margens do rio Manuel Alves na região de São Valério da Natividade, localizada no sul do Tocantins cobram a construção de uma ponte para facilitar o escoamento da produção agrícola da localidade.

Segundo os produtores, há 28 anos que as pessoas que precisam atravessar o rio só podem fazer através de uma balsa e com isso para chegar nos municípios do outro lado do rio, os produtores tem que percorrer quase 220km a mais de estrada de chão.

O agricultor Nelson Deves confirma o problema. “Com a ponte facilitaria tudo, pois por aqui nós temos as cidade como Porto Nacional e Palmas muito perto. Se existisse a ponte teríamos uma facilidade locomação bem mais rápida e epoderíamos diminuir os custos de trasnporte dessa produção”, explica o agricultor.

O produtor de soja Joaquim Graciano que veio do Paraná há dez anos para plantar soja, o caro preço do frete para transportar a produção acabou reduzindo a área plantada. “O frete fica na questão de R$ 1,50 os sacos. Porque tenho que percorrer um caminho bem maior e ter que pagar mais caro por falta dessa estrutura de trasnporte eu acabei diminuindo a area palntada de soja para poder conseguir pagar todos os custos”, destaca o produtor.

A Agetrans (Agência de Máquinas e Transporte) informou que já existe um projeto para a contrução da ponte sobre o rio Manuel Alves, mas por se tratar de um valor muito alto para a executação desse tipo de obra, um total de R$10 milhões, o projeto deve entrar somente no orçamento do ano que vem.

Para conhecer um pouco mais a história e os problemas trazidos pelos produtores, confira a reportagem do Jornal do Campo acima. (G1 TO).

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.