Desentendimento entre políticos, não será exclusividade do comício do candidato a reeleição Mauro Carlesse (PHS), que no último dia 21, assistiu o prefeito, Cláudio Santana (MDB), deixar seu palanque por alegar boicote supostamente atribuído ao candidato a senador, César Halum e seu suplente Aquiles da Areia, ambos do PRB.

Na noite deste sábado, 29, um desentendimento apimentou o palanque de Carlos Amastha (PSB), em Araguatins. A confusão envolveu os candidatos a deputados estaduais, Wiston Gomes (PSB) e Jair Farias (MDB).

Tudo teria começado pouco antes do evento, quando a equipe de Jair Farias, teria usado os principais espaços de fixação de banneres, no palanque, sem deixar opções para que Wiston colocasse os seus. Ao perceber a situação, a equipe de Wiston logo que chegou no local, momentos antes do evento, retirou o material de Jair e fixou as peças publicitárias de Wiston. A equipe de Amastha teve de intermediar e contornar a situação, que provocou bate-boca. Por Araguatins ser o principal reduto eleitoral de Wiston Gomes, a coordenação geral do evento, achou por bem, convencer Jair a ceder o espaço e o candidato acabou concordando.

Mais tarde, outro atrito envolvendo os apoiadores de Wiston e Jair, veio a tona. Segundo pessoas que estavam no local, o filho de Jair Farias tentou subir no palanque, montado da Praça da Rodoviária, mas acabou sendo impedido por pessoas ligadas a Wiston, que controlavam o acesso ao palco. Jair teve de intervir e exigir a liberação da passagem do seu filho. Os responsáveis pelo bloqueio, contaram que não sabiam que o rapaz era filho de Jair e estavam controlando a entrada no palco, para segurança dos próprios candidatos.

Mais tarde, no momento dos discursos, Jair e Wiston, acabaram trocando indiretas, sem citar o nome um do outro.

Atualização: A assessoria do candidato Jair Farias, fez contato com a redação do webjornal Folha do Bico e disse que diferente da informação publicada, que dá conta que a equipe do candidato teria usado os principais espaços de fixação de banneres no palanque, sem deixar opções para que Wiston colocasse os seus, não procede. Eles disseram que usaram apenas uma metade, deixando a outra metade para o candidato Wiston, que por sua vez cobrou o uso de todo o espaço.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.