A Polícia Militar atua nesta quarta-feira (26), prestando apoio ao oficial de Justiça da comarca de Araguatins no cumprimento de um mandado de reintegração de posse de uma propriedade rural conhecida como Fazenda Esmeralda localizada às margens da Rodovia Transamazônica (BR-230), Km 126, em Araguatins.

A área foi ocupada há mais de dois anos por quase 30 famílias ligadas ao Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST).

A determinação judicial foi em razão da ação requerida pela empresa que administra a fazenda Esmeralda, Companhia Siderúrgica do Pará (Cosipar), que buscou via judicial a solução para o problema da invasão.

A reunião organizada pela PM com representantes do MST, órgãos públicos e representantes de classe ocorreu no último dia (13), quinta-feira, no auditório do quartel do 9º Batalhão de Polícia Militar (BPM) em Araguatins.

No encontro ficou acertado que ocorreria a reintegração caso os ocupantes não deixassem o local até dia (24), segunda-feira. Durante a reunião o comandante do 9º BPM, major Weslley Dias Costa alertou aos representantes do MST que cumprisse a determinação judicial deixando a propriedade de forma pacifica, ordeira, a fim de evitar confronto.
A previsão é de que a operação de reintegração termine no período da tarde de hoje. Até o momento a operação ocorre de maneira pacífica. Sem nenhum registro de ocorrência. As famílias estão sendo remanejadas para outra localidade, conforme negociação. (Ascom 9 BPM)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.