Coordenado pelo Presidente Paulo Carneiro, o SENAR, Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, (SENAR/TO), realizou, mais uma edição do Programa Especial Saúde do Homem e da Mulher Rural. A ação aconteceu nas cidades de Aguiarnópolis, Tocantinópolis e Santa Terezinha. O evento atendeu 447 pessoas, sendo 300 homens e 147 mulheres que realizaram procedimentos, como consultas, coletas de preventivos e exames. A mobilização e organização do evento aconteceu através de uma parceria com o Sindicato Rural de Tocantinópolis, coordenado pelo presidente Gilmar Gonçalves de Carvalho.

O Presidente do Sistema FAET/SENAR, Paulo Carneiro, ressaltou a importância do evento afirmando que o programa especial tem como principal objetivo, conscientizar o homem e a mulher do campo, produtores e o trabalhadores rurais, dos cuidados com sua saúde e seu bem-estar. “Esse ano um dos principais focos do SENAR, está sendo levar conhecimentos que promovam mudança de atitudes nas pessoas, visando uma melhor qualidade de vida da nossa população.

O Programa Saúde da Mulher e Saúde do Homem, está permitindo que um grande número de pessoas tenha conhecimento sobre a importância do autocuidado e a prevenção dessas doenças que tem levado muitos a morte as vezes por falta de cuidados. ”, declarou a Presidente.

COMO FUNCIONA O PROGRAMA

O programa é realizado pelo SENAR/TO, em parceria com instituições e secretaria de saúde e educação dos municípios. Seu objetivo é gerar oportunidades de educação, prevenção e diagnóstico do câncer do colo do útero em comunidades carentes, levando informações importantes que conscientizem as mulheres do meio rural e possibilitem seu acesso ao exame preventivo.

Os resultados dos exames são divulgados à comunidade atendida em aproximadamente 30 dias. As mulheres ou homens que apresentam alterações nos seus resultados são encaminhados para tratamento pelos órgãos responsáveis.

O Programa saúde do Homem e da Mulher rural, dispõe de unidades móveis, equipadas com consultórios, que percorrem as comunidades rurais do interior do Brasil.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.