Prefeita Rúbia e empresário Murilo Carneiro
Prefeita Rúbia e empresário Murilo Carneiro

A prefeita de Buriti do Tocantins, Rúbia Amorim (PSB), tem sinalizado a aliados mais próximos que poderá não disputar a reeleição em 2016. Desgastada por promessas até agora não cumpridas e derrotas de seus candidatos diretos na eleição deste ano, além da baixa aprovação popular de seu governo, são os fatores para a possível desistência.

O resultado das urnas em 5 de outubro mostraram um claro enfraquecimento de Rúbia, junto a comunidade. Seu principal algoz, foi o ex-prefeito, Alvimar Cayres, o Mazin, que foi vitorioso em todos os confrontos diretos com Rúbia. Na disputa pelo cargo de deputado estadual, Mazin que apoiou a reeleição de seu irmão, Amélio Cayres (SD), conseguiu 1.776 votos, contra apenas 644 votos de Rúbia para Eduardo Siqueira campos (PTB). Mazin mais que dobrou a votação conseguida por Rúbia Amorim.

Já para deputado federal, os Cayres impuseram outra larga vitória sobre a prefeita. Apoiando Vicentinho Júnior (PSB), Mazin conseguiu 1.152 votos, contra 652 de Rúbia para Thiago Andrino (PP).

Rúbia só não perdeu para governador e senador, pois o grupo Cayres também apoiou Sandoval e Eduardo Gomes.

Terminado o primeiro turno e ainda abalada com as derrotas, Rúbia procurou pessoas próximas ao governador eleito, Marcelo Miranda (PMDB), em Palmas, para tentar buscar aproximação com o próximo gestor estadual. A prefeita foi orientada a aguardar, pois ainda seria cedo para qualquer conversa desse tipo. Mas um consenso de estratégia foi definido pela prefeita, que será tentar se aproximar de apoiadores de Marcelo Miranda em Buriti e o principal deles, seria o empresário Murilo Carneiro, que foi cogitado pela prefeita e aliados como um possível vice, caso ela resolva tentar a reeleição. Rúbia tentará de agora por diante estreitar relação com todos os grupos contrários aos Cayres no município, incluindo ai o PT e líderes que apoiaram Rocha Miranda, José Bonifácio, Osires Damaso e Ho-Che-Min.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.