Miguel Batista Neres, dono de um ferro velho em Imperatriz, conhecido como Miguelzinho, foi assassinado a tiros por volta de meio dia deste sábado (27).

Imagens de câmera de segurança mostram o momento em que ele entrava na caminhonete estacionada, no bairro Jardim São Luís, quando caiu ao ser atingido. O suspeito atirou de um carro que estava do outro lado da rua e fugiu. Miguel chegou a ser socorrido, mas não resistiu.

A Delegacia de Homicídios investiga o caso. Miguel foi preso já foi preso duas vezes por receptação qualificada, de peças de carro roubadas. Uma delas na operação Robauto, realizada pela Seic.

Em 2015, Miguel foi preso durante uma operação da Polícia Militar que fechou um desmanche que funcionava no bairro Cinco Estrelas, onde foram apreendidas peças de 46 veículos. (iMirante)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.