Por falta de acordo entre os líderes, foram retirados da pauta de votação da sessão extraordinária da Câmara dos Deputados, na quinta-feira, 14, os dois projetos de decreto legislativo sobre a realização de plebiscitos para a criação dos Estados de Carajás e Tapajós (PDC 230/09 e 731/10).

As propostas devem ser analisadas na próxima semana. O pedido de retirada de pauta foi feito pelo deputado Giovanni Queiroz (PDT-PA), autor da proposta plebiscitária para o Carajás.

A manobra, segundo o parlamentar paraense, foi feita para evitar que a sessão fosse derrubada por causa da oposição do vice-líder do PSDB, Antonio Carlos Panuzzio (SP), que requereu a verificação nominal, ou seja, a contagem do número de deputados no plenário, caso as propostas fossem colocadas em votação. Se o quórum fosse insuficiente, os projetos não poderiam ser votados.

A expectativa de Queiroz é que, na próxima semana, os PDC’s sejam analisados. “Precisamos de maioria simples e a maioria desta Casa nos apoia”, disse, acreditando que os dois projetos serão novamente incluídos em pauta nas sessões da próxima semana.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.