A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa), por meio da Coordenação Estadual de DST/Aids e Hepatites Virais, realizará uma série de ações voltadas ao Dia Mundial de Combate à Aids, comemorado no dia 1º de dezembro.

As atividades terão início na segunda-feira, 22, no Hotel Beira Rio, com a oficina de apresentação de projetos sociais que receberam recursos do governo estadual em 2009 e 2010. Cada organização não governamental terá 15 minutos para apresentação e outros dez para debate.

Segundo Lourival Marsola, coordenador estadual de DST/Aids e Hepatites Virais, é um momento para “prestar contas, avaliar o cumprimento das metas previstas e também de trocar ideias com as organizações da sociedade civil que desenvolvem suas estratégias em municípios de nosso Estado”.

No dia 30 de novembro, também no hotel Beira Rio, acontecem mais dois eventos associados ao tema HIV/Aids: o segundo Seminário Estadual de Prevenção Positiva, voltado a profissionais de saúde, e uma oficina de capacitação para jornalistas com enfoque sobre a Transmissão Vertical do HIV e Sífilis. Ainda na ocasião haverá o lançamento do Boletim Epidemiológico em DST/Aids e da Campanha pelo Dia Mundial de Luta contra a Aids no Estado.

Com o objetivo de estimular a prática do conceito de prevenção por meio do tema “Avanços e Desafios na Assistência às Pessoas Vivendo com HIV/AIDS no Pará”, o Seminário reunirá gestores e profissionais de saúde, bem como integrantes de movimentos sociais engajados na questão. O encontro acontecerá entre 8 e 13 horas.

Na sequência, de 14 às 17 horas, profissionais de mídia serão treinados sobre o fluxo e as diretrizes para o aconselhamento, o diagnóstico e o tratamento das Doenças Sexualmente Transmissíveis, com destaque para a transmissão vertical do HIV e da sífilis congênita. Trinta vagas estarão abertas aos interessados no assunto.

Lourival Marsola informa que a oficina voltada aos jornalistas é uma das metas do Plano de Eliminação da Sífilis, publicado em 2009, o qual tem como meta eliminar a sífilis congênita em todo o país até dezembro de 2013.

Após a oficina, serão lançados o Boletim Epidemiológico em DST/AIDS e a Campanha pelo Dia Mundial de Luta contra a AIDS, cujo tema será “Com Camisinha, tudo pode rolar”. A campanha de 2010 será no dia 1° de dezembro e ocorrerá simultaneamente na Praça da República, em Belém, e nos municípios de Barcarena, Castanhal, Bragança, Marabá e Santarém.

Em todos esses locais, haverá mobilização pela testagem entre adolescentes e jovens adultos na faixa dos 13 a 24 anos, que serão alvo da campanha por corresponderem a 13% dos 9.428 casos notificados de HIV no Estado entre 1980 e junho de 2010. Em Belém, as ações acontecerão no coreto central da Praça da República, de 8 às 12 horas.

Após o Dia Mundial de Combate a Aids, no dia 7 de dezembro, outros dois eventos serão realizados no Hotel Beira Rio: o segundo Seminário de Aids e Religiões, com foco nas religiões de matriz africana, pela manhã, e o segundo Seminário de Políticas Públicas em DST/Aids, durante a tarde. (Mozart Lira)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.