IMG-20141118-WA0037

Nesta semana, o empresário Mota, proprietário do Comercial Mota, maior supermercado de Araguatins, conversou com nossa reportagem e apresentou as melhorias feitas no estabelecimento, após visinhos reclamarem da sujeira deixada na rua pela empresa e que foi alvo também da ação Pró-Consumidor, de iniciativa do Ministério Público Estadual (MPE) e Vigilância Sanitária.

IMG-20141118-WA0034

Mota fez questão de pedir desculpas aos visinhos e clientes pelo transtorno, e disse que o lixo que se acumulava na lateral do prédio do estabelecimento, na rua 7 de Setembro, era de responsabilidade da Prefeitura. “As vezes as coisas passam despercebidas, mas eu gostaria de explicar aos vizinhos e clientes, que o lixo sob minha responsabilidade sempre foi encaminhado à empresa de reciclagem de propriedade do Maguila. Já o lixo que se acumulava aqui ao lado, geralmente restos de alimentos, esse é de responsabilidade da Prefeitura Municipal levar para o lixão, só que ficava vários dias sem ser recolhido e passou a causar o transtorno”, disse Mota.

Caminhão para levar lixo para reciclagem
Caminhão para levar lixo para reciclagem

O empresário parabenizou o promotor, Décio Gueirado Júnior, que foi até o local e agiu com correção e sem atropelos ao fiscalizar seu supermercado, além de chamar todos os envolvidos e cobrar a responsabilidade de cada um. “Olha eu sei que tenho minhas responsabilidades, a Prefeitura tem as dela. Portanto, as duas partes tem que atuar. O promotor esteve aqui, foi muito respeitoso com a gente e cobrou os ajustes necessários. Minha parte já estou cumprindo”, afirmou o empresário que completou, “Agora só espero que a Prefeitura também cumpra o acordo”, comentou.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.