Nove pessoas foram presas pela Polícia Civil na manhã desta sexta-feira (2) no norte do Tocantins durante a operação Cannabis Delivery. O grupo é suspeito de tráfico de drogas na região de Ananás. Segundo a polícia, os suspeitos agiam de uma forma diferente, pois não tinham um ponto fixo para venda da droga. Eles faziam entrega onde os ‘clientes’ estivessem.

De acordo com a polícia, o grupo vinha sendo investigado há algum tempo e as prisões foram feitas em cumprimento a mandados de prisão preventiva. A distribuição da droga para os usuários era feita diariamente, principalmente maconha.

“Não usavam as próprias casas como local de venda e até ficam bravos quando alguém aparecia para buscar. Geralmente faziam as distribuições em um carro, que foi apreendido, de bicicleta e de moto”, explicou o delegado.

Participaram da operação agentes das delegacias de Ananás, Tocantinópolis e Araguatins. Durante o cumprimento dos mandados foram apreendidos celulares, balança de precisão, porções de drogas e dinheiro.

Os presos são:

  • Antônio Filho Alves Oliveira
  • Luis Moeira Soares
  • Nerson Mendes da Rocha
  • Dayena Sousa Pinto
  • Generson de Sousa Lima
  • Jardenilson Silva Marques da Cruz
  • Maria Lúcia Araújo do Nascimento
  • Reinan Rosa de Andrade
  • Júnior Santos Reis

A polícia informou ainda que os homens foram levados para a Cadeia de Ananás. As mulheres devem ficar detidas na cadeia de Babaçulândia, também na região norte do estado. (G1)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.