Acusado de matar a idosa Inês Pereira Lima, 73 anos, em março de 2000 porque ela não quis vender um frango da chácara onde morava, em Araguatins, José Valdo Fernades Sousa, 36 anos, foi condenado, nesta terça-feira, 30, foi condenado a cumprir 15 anos de cadeia por homicídio qualificado.

Segundo a acusação do Ministério Público Estadual (MPE), José Evaldo teria desferido quatro facadas contra Inês. Em setembro de 2001, o acusado chegou a ser julgado pela Justiça, mas na época ele acabou absolvido.

O MPE, então, recorreu da sentença e o pedido foi aceito pelo Tribunal de Justiça, que marcou novo julgamento. (Daniel machado, com informações da TV Anhanguera)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.