A Secretaria Estadual da Saúde (Sesau) enviou nota ao Jornal do Tocantins para justificar os dados sobre aids apresentados em matéria veiculada no dia 24 de novembro. Conforme a Sesau, o número de óbitos referentes a pacientes em tratamento Hospital de Doenças Tropicais (HDT) no ano de 2010 totaliza 14, sendo que, deste quantitativo, cinco pessoas eram residentes no município de Araguaína, e as outras 9 residiam em outros estados.

Sesau ainda destacou as ferramentas que o Estado dispõe para cuidados com pacientes vítimas da aids, citando que existem no Tocantins cinco sedes dos Serviços de Assistência Especializada para atenção aos pacientes com aids (SAEs), nove hospitais que possuem Projeto Nascer-Maternidades que é um projeto que visa reduzir a transmissão vertical de HIV e dois  Centros de Testagem e Aconselhamento (CTAs) no HDT e no Instituto Henfil.

m 24 de novembro, o Jornal do Tocantins publicou uma matéria sobre os casos de óbitos com base em um levantamento realizado a partir de dados do Sistema de Informações Hospitalares do SUS (SIH/SUS), do Ministério da Saúde. No levantamento do períodico, são registradas 20 mortes em 2010 por doenças decorrentes da aids, contra dez óbitos em 2009. (Alessandra Brito – Jornal do Tocantins)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.