medalhaleg0412

Dez personalidades da cidade, que contribuíram para o aprimoramento das instituições municipais e para a valorização da Câmara Municipal, foram agraciadas com a medalha do Mérito Legislativo, entregue em solenidade realizada no fim da tarde desta quinta-feira, 4. A solenidade foi realizada no Plenário Léo Franklin.

Receberam a distinção honrosa o diretor-executivo da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedes), Júlio Marco Costa; o promotor de Justiça, Joaquim Ribeiro Júnior; o radialista Jan Ricardo da Silva; o padre Edinaldo Rodrigues Pereira; e o ex-secretário de Educação, Agostinho Noleto Soares.

Foram agraciados ainda com a medalha do Mérito Legislativo o sargento da PM, Jomar Nascimento Moraes; Rosane Chaves da Paz, o cabo do Corpo de Bombeiros, Severino Ramos Bonfim, Ranilton Oliveira de Sousa e Paulo Pereira da Silva.

O escritor e advogado Agostinho Noleto, primeiro agraciado, destacou que há 46 anos acompanha a atividade legislativa e fez referências póstumas a ex-vereadores. “Essas personalidades prestaram grandes serviços na construção dessa cidade, fato que recebo com alegria a justa homenagem que é feita a muitos cidadãos por essa Casa de Leis”, declarou.

A única mulher agraciada com a honraria este anos foi a educadora social coordenadora da Criança, Rosane Chaves da Paz. Emocionada, ela agradeceu e lembrou que não é fácil lidar com tantas crianças vítimas da violência e de abandono.

Silêncio

Em meio à sessão solene, o vice-presidente Esmeradhson Pinho solicitou um minuto de silêncio em memória ao cinegrafista e produtor de TV, José de Ribamar Carvalho Filho, o Carvalho, assassinado no último sábado, 29, em Imperatriz.

Prestigiaram a cerimônia o vice-prefeito Luís Carlos Porto; o diretor das promotorias de Justiça, Alessandro Brandão; o comandante do 50° Batalhão de Infantaria e Selva (50° BIS), Nelmo Henrique Giarola; e o Presidente da Associação Comercial, Jairo Almeida. (iMirante)

 

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.