O maestro Julio Iglesias Morais, do Centro de Ensino Médio Santa Rita de Cássia, de Palmas e Diogo Rodrigues de Oliveira, professor de música da Escola Estadual Aldinar Gonçalves de Carvalho, de Araguatins, encontraram-se com a professora Wanessa Zavarese Sechim, na sede da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), nesta terça-feira, 12, para agradecer o apoio da Secretaria de Educação à participação do alunos no XXIV Campeonato Nacional de Bandas e Fanfarras, em Aracaju-SE.

O Tocantins sagrou-se campeão entre cerca de 60 bandas de 15 unidades da federação. As modalidades foram de percussão simples, percussão melódica, percussão sinfônica, bandas marciais, bandas musicais de marcha, bandas de concerto e bandas sinfônicas.

Diversas faixas etárias participaram do evento, desde o infanto-juvenil ao sênior. As bandas se revezaram durante os dois dias de evento, desfilando pela Avenida Barão de Maruim, no centro de Aracaju.

No Tocantins, fazem parte das bandas e fanfarras alunos e pessoas da comunidade escolar. Matheus Alves Ferreira, ex-aluno do Cento de Ensino Médio Santa Rita, participa do trabalho como voluntário. Ele conta que gosta de trabalhar com os alunos por meio da fanfarra. “Eu participo como ajudante porque desejo que essa cultura seja resgatada. Gostaria de que esse trabalho fosse realizado no dia a dia, não se limitando a datas comemorativas”, comentou.

Segundo Julio Iglesias e Diogo Rodrigues, a arte contribui para a melhoria das relações humanas. “Queremos mostrar para os alunos a forma como a arte funciona na realidade. Alcançamos resultados excelentes com a participação dos estudantes. A cultura sobre as bandas e as fanfarras está sendo resgatada no Tocantins. Esse é um dos nossos objetivos”, pontuaram.

Julio e Diogo ressaltaram, na ocasião, o apoio do Governo do Tocantins, por meio da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes, como fundamental para que o Estado pudesse participar. Eles contam que mais pessoas contribuíram como os maestros Wada Francyel, Liliane Sobral e o inspetor Rênisson.

A professora Wanessa Zavarese Sechim parabenizou todos pela iniciativa de criar a Associação de Tocantinense de Band-as e Fanfarras (ATBF)e pelo resultado alcançado no concurso. “A formação musical contribui para o desenvolvimento dos alunos em diversos aspectos como sociológico, cognitivo e principalmente artístico. A atividade artística pode estar presente em todas as disciplinas ajudando a harmonizar o trabalho com os alunos. Queremos garantir um ensino e aprendizagem de qualidade para todos os alunos”, finalizou.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.