O primeiro reforço do Botafogo para 2018 pode vir do Atlético-GO: é o tocantinopolino Luiz Fernando. O jovem atacante de 21 anos se salvou na campanha do rebaixamento do clube goiano e marcou nove gols no Campeonato Brasileiro. Ele é considerado uma joia em Goiânia e tem contrato até 2020. Para tirá-lo de lá, o Alvinegro terá que investir na compra dos direitos econômicos e já fez proposta ao empresário do jogador, Reinaldo Pitta.

O Alvinegro já o monitorava e vinha mantendo conversas com agente e diretoria do Atlético-GO. O GloboEsporte.com apurou que há outros interessados na revelação e que o clube goiano, devido ao rebaixamento, planeja vender o jogador para fazer caixa. A diretoria, no entanto, está aberta a ouvir propostas e disposta a negociar apenas parte dos direitos para lucrar em uma futura revenda.

Neste cenário, o Botafogo é visto com bons olhos, e a oferta agradou ao staff do jogador. Além disso, pesa a favor do Alvinegro a boa relação com a diretoria do Atlético-GO. Para 2018, os cariocas já acertaram o empréstimo de dois jogadores para os goianos: Fernandes e Vinícius Tanque. O meia rubro-negro Jorginho também agrada e pode ser o próximo alvo de General Severiano.

O ataque é o setor mais carente do Botafogo, que após perder Roger e Guilherme, e de emprestar Vinícius Tanque, o técnico Jair Ventura só conta com Brenner, Pimpão e os recém-promovidos da base Renan Gorne e Lucas Campos. Quem está próximo para reforçar a posição é o atacante Rony, de 22 anos e que estava no Japão. Ele esta envolvido na troca com o Cruzeiro por Bruno Silva. (GE)

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.