Com previsão de chuvas para os próximos dias, equipe da Superintendência Municipal de Proteção e Defesa Civil encontra-se de prontidão verificando pontos críticos de alagamento. Dentre as ações, órgão acompanha diariamente os serviços de limpeza, alargamento e desobstrução dos riachos, córregos e bocas de lobos em toda cidade.

Operação, fruto da parceria entre as Secretarias de Infraestrutura, Planejamento Urbano, Meio Ambiente e Limpeza pública, tem por intuito aumentar a vazão dos córregos e minimizar os riscos de alagamentos.

Josiano Galvão, superintendente Municipal da Defesa Civil, ressalta que a meta é intensificar ainda mais os trabalhos para minimizar os impactos causados pelas chuvas. “Nossa equipe está em campo, averiguando obstruções nos riachos e córregos, indicando áreas que devem ser limpas, bocas de lobos que devem ser desobstruídas, entre outros serviços.”, destacou o superintende Municipal da Defesa Civil, Josiano Galvão.

Segundo ele, meta é realizar o trabalho para minimizar o problema de alagamento das ruas, casas, além dos transtornos aos moradores. “A limpeza desses córregos ajuda no escoamento da água, além de evitar a proliferação dos mosquitos causadores de doenças”, pontua.

Rio Tocantins

Segundo Josiano Galvão, no momento a situação do rio Tocantins é de normalidade e ainda sem risco de inundações. “A chuva vai prosseguir pelos próximos dias, com tempo nublado, mas sem previsão de afetar o nível das águas do rio”.

De acordo com o boletim da Defesa Civil, nesta quarta-feira o nível do Rio Tocantins encontra-se 1.14 metros cúbicos abaixo de zero. As previsões de elevação serão de 4.137,20 m³/s para 24h, 4.141,02  m³/s para 48h e 4.003,37 m³/s para 72h.

- Publicidade -

FAÇA UM COMENTÁRIO

Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.