Connect with us

Maranhão

AÇAILÂNDIA: Hospital de campanha com 60 leitos é entregue

Publicado

em

O Governo e a Vale entregaram neste sábado (16) o Hospital de Campanha de Açailândia, o primeiro hospital de campanha da gestão estadual para atendimento às vítimas do novo coronavírus do Maranhão. O hospital construído em 26 dias está localizado nas proximidades do Fórum de Açailândia, no bairro Tropical. 

Ao todo, são 60 leitos, sendo 53 de enfermaria e sete de UTI. O hospital contará com o apoio de duas ambulâncias de plantão, ambas equipadas com estrutura de UTI. Cerca de 217 profissionais fazem parte da equipe que dará assistência aos pacientes. A estrutura dará apoio a municípios da região tocantina.

De acordo com o secretário estadual da Saúde, Carlos Lula, o Hospital de Campanha de Açailândia é uma iniciativa que vai ajudar a desafogar outras unidades públicas de saúde. “O hospital de campanha vai servir não só para Açailândia, mas para toda a região. É um hospital moderno, de média complexidade, com 60 leitos, sendo sete de UTI com respiradores. A gente tem certeza de que ele vai salvar muitas vidas. Melhor que abrir, vai ser quando pudermos anunciar que vamos fechar o hospital, porque vai mostrar que vencemos a pandemia”, afirmou o Lula. 

A montagem do equipamento contou a importante parceria da Vale. “O hospital de campanha em Açailândia terá papel fundamental na luta contra a Covid-19. Ele está aqui para salvar vidas! Essa parceria demonstra nosso entendimento de que a única maneira de vencer essa pandemia é somando esforços. Além do hospital, a Vale também está disponibilizando duas ambulâncias UTI para suporte dos pacientes. É um esforço conjunto voltado à saúde das pessoas, das comunidades da qual nós também fazemos parte”, destaca o gerente executivo da Vale, João Falcão.

O chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares, exaltou os esforços para o combate ao Covid-19 e relembrou que o autocuidado é a melhor solução. “Além de agradecer a todos os parceiros por este hospital, acima de tudo, é fundamental lembrar que o sucesso na luta contra a pandemia depende fundamentalmente das pessoas, da necessidade do isolamento social, dos hábitos de higiene. Sem isso, é impossível vencer essa pandemia”, enfatizou.

O presidente da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), Marcos Grande, explicou como será o funcionamento do Hospital de Campanha de Açailândia. “O hospital é uma unidade exclusiva para pacientes Covid-19 e vai ajudar muito a região. O paciente precisa passar por um filtro em uma Unidade Básica de Saúde que vai regular este paciente para o hospital de campanha, onde receberá todo o suporte necessário”, esclareceu. 

Região Tocantina

Os prefeitos de Açailândia, Itinga e de Vila Nova dos Martírios estiveram presentes na entrega do novo equipamento para tratamento de pacientes acometidos pelo Covid-19.
“Quero agradecer ao Governo do Estado, à Vale e a todos os profissionais de saúde que têm se empenhado na luta contra essa doença. Esse hospital vai  ajudar a nossa população e as pessoas dos municípios do entorno”, afirmou Aluísio Silva Sousa, prefeito de Açailândia. 

A prefeita de Vila Nova dos Martírios, Karla Batista, também comemorou a entrega. “É fruto do comprometimento do governador Flávio Dino e do secretário Carlos Lula com a saúde de todo o Estado. A prova disso está aqui hoje, com a abertura desta nova unidade exclusiva para Covid-19”, disse. 

Novos leitos

Carlos Lula ainda informou que, na próxima segunda-feira (18), será aberto em São Luís o segundo hospital de campanha. A estrutura está sendo montada no espaço Multicenter Negócios e Eventos, do Sebrae, e contará com 200 leitos, sendo 190 para enfermaria e 10 de cuidados intensivos. 

O espaço vai receber pacientes oriundos das UPAs da capital.  Além disso, o secretário ressaltou, ainda, que serão abertos novos leitos de UTI e Clínicos em unidades de saúde nas cidades de Caxias, Lago da Pedra, Santa Luzia do Paruá e São Luís até o final de maio.

publicidade
FAÇA UM COMENTÁRIO
Atenção: Os comentários aqui publicados são de responsabilidade dos usuários e não representam a opinião do Jornal. Se achar algo que viole ou fira sua honra pessoal, envie para o email: [email protected] que iremos analisar.
Faça um comentário

Maranhão

IMPERATRIZ: Live do “Caneta Azul” bate Cláudia Leitte e Paula Fernandes

Publicado

em

Live “Caneta Azul” conquistou o primeiro lugar entre os vídeos em alta no YouTube com mais de 1,5 milhão de views, ultrapassando as visualizações de Claudia Leitte, com 1,2 milhão, e Paula Fernandes,com quase 1 milhão. 

Dono do hit que estourou no Brasil em 2019, Manoel Gomes transmitiu live show, durante mais de quatro horas, no último domingo, 31. Para o ao vivo, o sertanejo contou com participações – virtuais – de convidados, entre eles o humorista Tirullipa.

Após o sucesso da live, o cantor publicou novo vídeo no YouTube agradecendo  a todos que assistiram e também aos novos inscritos.

Natural de Balsas, no interior do Maranhão, Manoel Gomes escreveu a canção “Caneta Azul” para homenagear a sua inseparável caneta. O sucesso ganhou versões de Simone & Simaria, Wesley Safadão e até de Neymar.

O show foi realizado e transmitido direto de Imperatriz, no sul do Maranhão.

Continue lendo

Maranhão

Grupo é apanhado furtando trilhos da Estrada de Ferro Carajás, no Maranhão

Publicado

em

Polícia Militar de Bom Jesus das Selvas, a 197 km de Imperatriz, prendeu nesse sábado (30), uma quadrilha envolvida em furto de trilhos de ferrovia no km 417, da Estrada de Ferro Carajás, no Maranhão.

Os quatro membros da quadrilha estavam sendo monitorados e foram presos enquanto estavam realizando mais um furto. Todos foram levados para a delegacia do município de Açailândia.

Com os presos foram apreendidos um caminhão para carregamento, duas carretas para transporte, um trator utilizado como reboque das carretas, um carro, uma moto e 42 barras de trilho.

Continue lendo

Maranhão

IMPERATRIZ: Secretaria de Planejamento Urbano mantém fiscalização de obras irregulares nos bairros

Publicado

em

Mesmo com o isolamento social, por conta da restrição para reduzir o risco de contaminação pelo Novo Coronavírus, a Prefeitura de Imperatriz, por meio da Secretaria de Planejamento Urbano, Seplu, mantém o trabalho de fiscalização de obras irregulares em todos os bairros do município.

“Para construção ou reforma de imóveis é preciso que o proprietário tenha atenção para a obrigatoriedade de aprovação dos órgãos competentes. Um exemplo é o Alvará de Construção emitido pela Prefeitura, por meio da Seplu. A ausência do documento resulta no embargo da obra”, enfatizou a titular da Seplu, Lenise Ferreira.

O Código de Obras, Lei Municipal 197/1978, artigo 1º, estabelece que qualquer edificação ou construção só poderá ser iniciada dentro do perímetro urbano, se o interessado possuir Alvará de Construção, acrescentando em seu artigo 2º, que caso o projeto requeira instalações especiais, também é obrigatório aprovação das concessionárias de serviços públicos de água, luz, esgoto e telefone com o Projeto de Obra, assinado por profissionais devidamente habilitados pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia, Crea, e pelo proprietário do imóvel.

De acordo com o coordenador de Fiscalização da Seplu, José Marques, “as fiscalizações para coibir as construções irregulares são realizadas diariamente. Em alguns casos tem obras que são embargadas e os proprietários notificados por falta do alvará de construção”, explicou.

O Alvará tem um prazo de validade. Se a obra não for concluída neste prazo, o responsável técnico e o proprietário do terreno precisam solicitar a renovação antes do vencimento. A obra só é considerada concluída quando o Habite-se é emitido.

Compõem o Check-list e o requerimento para aprovação do Alvará de Construção, cópias do RG, CPF ou CNPJ, comprovante de endereço de pessoa física ou jurídica, contrato social, procuração com firma reconhecida em cartório, se houver procurador, cópia atualizada do documento do terreno ou móvel, registro do imóvel ou Certidão de Inteiro Teor autenticada, Certidão Negativa de Débitos do imóvel junto à Receita Municipal, Certidão Negativa de Débito ISS do responsável técnico junto a Receita Municipal, planta de situação, projeto arquitetônico, projeto sanitário e memorial descritivo da obra.

Continue lendo
publicidade